terça-feira, 26 de maio de 2009

EQUIPE DO JILÓ VISITA A REDAÇÃO DO JORNAL EXTRA






Texto: Andrezza Henriques (6º período) Estagiária Mídia Impressa e Rodrigo Aquino (3º período) Mídia Impressa / Fotos: Guto Nascimento - Repórter Comunitário
Após entrevistarem o secretário de Segurança José Mariano Beltrame, na parte da manhã, equipe de reportagem do Jiló Press, incluindo repórteres comunitários, conheceram, na tarde desta terça-feira (26/05), a redação do jornal Extra. O grupo foi recebido pelo chefe de reportagem José Maurício Costa, que explicou como é a rotina de produção do jornal e sobre como são feitas as reuniões de pauta. “Eu abro a redação às 7h. Às 13h30 fazemos a nossa primeira reunião, onde um editor de cada editoria participa. Os editores executivos participam coordenando a reunião. Às 16h30, na segunda reunião, damos um retorno sobre as matérias que não renderam, com base no que foi discutido na reunião de 13h30 e com o que apareceu de novidade nesse meio-tempo. Até o deadline, que hoje é às 21h55m, estamos atentos ao que acontece e podemos mudar todo o esquema”.
A editora do Extra on-line, Lina Marques, disse que, hoje em dia, o estudante deve fazer parte do mundo multimídia, pois a internet é um complemento, um braço forte do jornal de papel. A jornalista não acredita que o impresso vai acabar, como dizem alguns especialistas mais céticos, mas ratifica a força da internet. “Acho difícil o jornal de papel acabar. Mas, na internet temos acesso ao que está acontecendo no mundo e possui uma ferramenta muito importante, que é a interatividade com o leitor, além de ser ilimitada”, explicou. Lina apresentou os estudantes ao João Buracão e falou sobre a importância que ele tem para a população. O boneco promove a cidadania. “É importante o leitor ver seus problemas sendo defendidos por alguém, e esse alguém somos nós, somos a voz da comunidade com as autoridades”.
PERFIL 3G - Após conhecer outras áreas da redação, a equipe do Jiló foi recebida pelo editor de geral, jornalista Fábio Gusmão, que revelou detalhes sobre os bastidores da edição do EXTRA. No momento estava chegando à Gusmão o espelho da publicação, que é a página riscada, com a delimitação do espaço publicitário e o do conteúdo editorial. Até o final do dia o espelho pode ser alterado. Com relação ao jornalismo multimídia Fábio revelou que o EXTRA está investindo em tecnologia e capacitação dos profissionais, e citou o projeto repórter 3G. “Temos dois repórteres 3G que apuram dados, escrevem texto, filmam, editam e publicam conteúdo no blog, direto da rua. Já os outros repórteres fazem os vídeos de seus celulares e a edição é feita na redação”, explica Gusmão para, em seguida, falar sobre o papel das universidades nesse contexto. "As universidades que têm cursos de jornalismo precisam ter um link e estar antenadas ao que está acontecendo no mercado de trabalho. É necessário preparar o universitário para o novo formato de jornalismo. Hoje, o perfil do nosso estagiário é totalmente multimídia. Estamos sofrendo uma transformação tecnológica não só no jornalismo, mas em diversas outras áreas”, finaliza.

2 comentários

Jose Mauricio Costa disse...

Olá pessoal,

Parabéns pelo Blog e pelo interesse de vcs. Gostaria apenas de fazer uma observação. Nossa primeira reunião de 13h30m conta com a presença de representantes de todas as editorias, mas eles não são editores execitivos. Os editores execitivos participam coordenando a reunião.
Outra coisa, o jornal não está fechado após a reunião das 16h30m. Nessa segunda reunião damos um retorno sobre as matérias que renderam e as que não renderam, com base no que foi discutido na reunião de 13h30m e com o que apareceu de novidade nesse meio-tempo.
Mas o jornal so fecha quando fecha. Isso quer dizer que até o deadline, que hoje é às 21h55m estamos atentos ao que acontece e podemos mudar todo o esquema.
Abraço a todos e sucesso!
Jose Mauricio Costa
Chefia de Reportagem - EXTRA

Jiló Press disse...

Jose Maurício,
obrigado pela correção. Já está no texto.
Desde já agradecemos pela gentileza e presteza com que vocês receberam os estudantes de jornalismos e os jovens aprendizes das escolas da Zona Norte, alunos do projeto repórter comunitário.

Att.
Prof. Ricardo França
Coordenador do Projeto

Postar um comentário

Participe aqui!

Design by UsuárioCompulsivo alterado por Marcos Benjamin ^